Ensino Médio

FORMAÇÃO HUMANA + ENSINO FORTE
= CERTEZA DE SUCESSO


1ª e 2ª Série - Médio

O objetivo na 1ª e 2ª Série é trabalhar o universo cognitivo, fazendo transparecer todo o potencial de cada aluno. Como em todos os segmentos do Colégio, há ênfase na Interpretação de Textos, Redação e na interdisciplinaridade, pontos indispensáveis para o alcance do pleno desenvolvimento da capacidade de cada um.

3ª Série - Médio

Nosso aluno é o maior referencial de nossas ações. Partimos dele como Ser, e delineamos todo o projeto institucional para atendê-lo no processo de afirmação de sua identidade. Assim, agregamos os recursos necessários de forma a possibilitar as habilidades de criar, arriscar, inovar, buscar sempre a melhoria e o aperfeiçoamento, acreditando em seus sonhos e no próprio potencial, e como cidadão atuar em benefício de uma sociedade mais justa e um mundo melhor. Essa é a meta dos verdadeiros vencedores.

Na Era da Informação, e particularmente no Ensino Médio, não poderíamos prescindir dos conceitos centrais pertinentes à formação básica. Por conseguinte, vistamos e reelaboramos todos os conceitos do Ensino Fundamental e do Ensino Médio, oferecendo os instrumentos para ampliar a dimensão cognitiva de cada aluno e, assim, estabelecer condições para prestar o exame Vestibular nas melhores universidades do Brasil. Dessa forma, nossos alunos caminham no sentido de obter sucesso em seus objetivos profissionais e de vida, inclusive quanto à escolha da universidade que irá cursar.

Os procedimentos pedagógicos viabilizados em sala de aula são ricos e diversificados. No decorrer da semana, todas as áreas de conhecimentos são voltadas com enfoque na interpretação de textos, na interdisciplinaridade e transversalidade de conceitos e informações assim, familiarizando nossos alunos à percepção de que o conhecimento se processa em rede, abolindo a forma fragmentada, cristalizada, de saberes isolados, como se o contexto natural e social se desdobrassem em células desconexas e específicas sem função diante do sistema em que habitamos. É um trabalho projetado, integrado, que se processa, por um lado, em aulas ministradas de forma a propiciar estudos eficientes e, por outro, numa infraestrutura com suporte necessário para que cada aluno tire suas dúvidas e construa as competências e habilidades essenciais à vida em sociedade.

 

RECURSOS PEDAGÓGICOS E TECNOLÓGICOS

NÚCLEO DE ORIENTAÇÃO EDUCACIONAL Entendemos que dentre as diversas instituições civis a escola é o espaço privilegiado no processo de construção de paradigmas. Porém, a construção de valores, uma nova cultura e um novo olhar sobre nosso entorno social e a identidade que queremos construir perpassam por ampla reflexão entre os atores do fazer pedagógico. Assim sendo, compete ao NÚCLEO DE ORIENTAÇÃO EDUCACIONAL, dentre suas atribuições o de promover momentos e encontros, para os alunos do Ensino Médio, cuja essência seja a de estabelecer um novo viés cognitivo através do qual o estudante possa vislumbrar caminhos identitários na perspectiva pessoal e acadêmica. Para isso, palestras ministradas por estudiosos das ciências humanas e das diversas áreas de conhecimentos; workshop; visitas à instituições de ensino superior, oferecem ao educando visibilidade sobre suas escolhas futuras. Essas ações agregadas ao projeto pedagógico motivam nossos alunos e oferecem mais tranquilidade, diante de desafios da vida como o próprio vestibular e a escolha da carreira profissional.

AVALIAÇÕES PERIÓDICAS E SIMULADOS Sensíveis às questões emblemáticas que envolvem a sociedade brasileira, decorrentes de um processo histórico marcado pela exclusão da maioria de sua população, estamos imbuídos de que a responsabilidade social pertinente à nossa ação educacional nos direciona no sentido de que ampliemos a proposta curricular institucional, de maneira  que a mesma não se constitua em simples “relação de conteúdos” desconexos, fragmentados, distantes das problemáticas sociais. Dessa maneira, nosso caminhar é dialético, envolve o binômio: ação-reflexão. Por conseguinte estabelecemos procedimentos diagnósticos semanalmente, como Simulados de modelo UFBA, ENEM, UNEB, com objetivo de incentivar o  estudo permanente, o que conduz à eficiência por parte do  aluno e atuam como instrumentos redirecionadores da ação do professor. Através dessas avaliações identificamos se competências essenciais, tais como a produção oral e escrita; domínio de linguagens; compreensão de fenômenos; resolução de problemas; argumentação e elaboração de propostas, estão em processo de construção pelo aluno.

PROJETOS TEMÁTICOS  A Escola enquanto espaço democrático tem a atribuição de atuar, estabelecendo dentre seus objetivos político-Pedagógicos o de incentivar a pesquisa. Nessa perspectiva, acreditamos ser possível o estabelecimento de um novo senso comum decorrente da construção de novos valores e, por conseguinte, uma cultura  de inserção plena. Assim sendo, durante o ano letivo são desenvolvidos estudos temáticos nas diversas áreas de conhecimentos, tais como: Matemática e Suas Tecnologias, Ciências da Natureza e suas Tecnologias (Física, Química, Biologia), Linguagem e Suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias. Tais estudos se caracterizam como ações de extensão pedagogia, orientadas por professores especialistas,  devidamente planejados para atender a diagnose decorrente das intervenções didáticas no cotidiano.

AULAS DE SUPORTE – Durante o ano letivo, são ministradas aulas de apoio para os nossos alunos do Ensino Médio com o objetivo de, cada vez mais, tornar os grupos homogêneos e fortalecer os conteúdos básicos necessários para um melhor aprendizado no dia-a-dia. Essas aulas são planejadas para se adequar   à necessidade de cada grupo e que dão um suporte no aspecto pedagógico para melhorar o entendimento e o desempenho  nos diversos conteúdos trabalhados em sala.

MONITORIAS  – A Proposta Pedagógica dos Colégios Resgate/São Lázaro é retroalimentada por uma carga horária de aulas sem similar no contexto educacional baiano. Esse procedimento didático se ampara no pressuposto de que é na interatividade, através da mediação e intervenção do professor que se processa o conhecimento. Assim procedendo, durante o ano letivo são ministradas aulas de apoio didático, complementares, no turno oposto ao dos estudos regulares, por monitores que permanecem em horários predeterminados, à disposição dos alunos. Esses processos interventivos eliminam dificuldades que possam ser apresentadas na dinâmica de aprendizagem, equalizando as classes de alunos e potencializando a construção dos conceitos básicos, em cada estágio de desenvolvimento, necessários à formação de competências e habilidades previamente delineadas.

PLANTÕES DE DÚVIDAS – Os plantões ocorrem em horários pré-determinados, fora do período regular de aulas. Possibilitam que o aluno tire dúvidas e realize exercícios de fixação, diretamente com o professor de determinada disciplina.

AULAS DE ATUALIDADE – Referenciados em questões da contemporaneidade, são criados ambientes de estudos, onde são oferecidas as condições para que nossos alunos analisem a realidade cotidiana sob a perspectiva de conjunto e processo histórico-social, construindo competências e favorecendo a visibilidade da multiplicidade cultural e da diversidade inerente ao fenômeno antropológico. É nossa pretensão que  se admirem diante do óbvio, procurando o entendimento complexo da dimensão humana, e sejam capazes de identificar, analisar e comparar valores, enunciados e condições materiais de existência pertinentes ao contexto social do qual são os principais atores do processo.

SOCIOLOGIA E FILOSOFIA – Os estudos de Filosofia e Sociologia estão fundamentados na proposta de estabelecer um processo educacional consistente na formação humanística de jovens que se deseja sejam éticos, críticos, sujeitos e protagonistas da própria história. Pensar o processo político-social do contexto em que vivem, é o objetivo central dessa área de conhecimentos, de modo a que o ensino esteja voltado para seu desenvolvimento,  construção de competências para o mundo do trabalho, de tal forma que ao final do Ensino Médio o educando tenha construído conceitos filosóficos e sociológicos fundamentais ao exercício da cidadania.

ATENDIMENTO PERSONALIZADO – As Ciências Pedagógicas confirmam que somente através da interação e no contexto social o sujeito estrutura as ferramentas mentais. Entretanto, esse fenômeno não acontece sem a mediatização. Esse dado diferencia os Colégios Resgate/São Lázaro. Na dinâmica interventiva da ação pedagógica, conseguimos estabelecer um olhar particularizado no caminhar de cada aluno. Desconstruindo a prática tradicional homogeneizadora, entendemos cada criança como universo único, com habilidades específicas e formas pessoais de aprender. Assim, identificando e respeitando a criança como sujeito principal do ato educacional, de forma individualizada, conseguimos com o apoio familiar, atingir os objetivos estabelecidos em nosso Projeto Político Pedagógico.

TECNOLOGIA – No contexto contemporâneo, no qual a riqueza e a velocidade de informações são imprescindíveis à construção de conhecimentos,  a implementação de recursos tecnológicos são acessórios constituintes que enriquecem o fenômeno pedagógico. Dessa forma, os Colégios Resgate/São Lázaro,  mostrando-se mais uma vez sensível às transformações tecnológicas e socioculturais,  inovam na aquisição de recursos para suporte pedagógico. Assim, dispõem em suas instalações de projetores multimídia e quadros digitais, todos de última geração, os quais enriquecem e dinamizam as ações dos professores.

LABORATÓRIOS – As Ciências Exatas, dentre seus pressupostos, defendem a experimentação como fundamento científico básico no estabelecimento de suas leis. Desse modo, nas áreas de Química, Física e Biologia as aulas de laboratório são  fundamentais na demonstração dos fenômenos, de forma que o aprendizado seja significante e os conceitos científicos defensáveis diante do aluno. Estas experiências proporcionam  ao educando vivenciar situações teóricas apresentadas em sala de aula. Portanto, sempre que necessário, são ministradas aulas de laboratório as quais oferecem os procedimentos básicos na construção do conhecimento.

 

 


Resgate Brotas: Tel.: 2102-4300

Coordenação:

(Integral) Profa. Joelma Lago Pontes – Contato: Fale Conosco

Serviço de Orientação Educacional – Profa. Edna Bobas Costas – Contato: Fale Conosco

Resgate Cabula: Tel.: 2102-7500

Coordenação:

(Integral) Profa. Rosana Leão da Silva Dias – Contato: Fale Conosco

Serviço de Orientação Educacional – Profa. Tatiana Santos Corbacho Barbosa – Contato: Fale Conosco

Serviço de Orientação Educacional – Profa. Aliomara Botelho Dantas – Contato: Fale Conosco

São Lázaro: Tel.: 2102-0500

Coordenação:

(Integral) Profa. Avani Pereira Bezerra– Contato: Fale Conosco

Serviço de Orientação Educacional – Profa. Lena Vitória Santana Oliveira – Contato: Fale Conosco

Serviço de Orientação Educacional – Profa. Tanara Ribeiro Rodrigues – Contato: Fale Conosco


SÃO OBJETIVOS DA ENSINO MÉDIO

  • Propiciar ao educando o desenvolvimento da capacidade de aprender e continuar aprendendo, adquirindo autonomia intelectual e de pensamento crítico, de modo a ser capaz de prosseguir nos estudos e de adaptar-se com flexibilidade às novas condiçõesde ocupação;
  • Oferecer ao aluno, condições para constituir significativos socialmente reconhecidos como verdadeiros sobre o mundo físico, natural e sobre a realidade;
  • Possibilitar ao educando a compreensão do significado das ciências, das letras,  da arte e do processo de transformação da sociedade, da cultura, de modo a constituir competências e habilidades necessárias ao exercício da cidadania e do trabalho;
  • Promover o domínio dos princípios e fundamentos científico-tecnológicos que presidem a produção de bens, serviços e conhecimento, tanto em seus produtos como em seus processos, de modo a ser capaz de relacionar a teoria com a prática e o desenvolvimento da flexibilidade para novas condições de ocupação ou aperfeiçoamento posteriores;
  • Incentivar o desenvolvimento de linguagens contemporâneas como instrumentos de comunicação e como processos de constituição de conhecimentos e de exercícios de cidadania;
  • Criar condições de pesquisa da Ciência da História da África como forma de identificar as raízes e as contribuições dos povos africanos na formação e organização da sociedade brasileira;
  • Assegurar ao jovem a formação comum indispensável para o exercício da cidadania e fornecer-lhe meios para progredir no trabalho e em estudos posteriores.
Componentes

1ª Série

2ª Série

3ª Serie

Português (Estudos Literários)

x

x

x

Português (Língua e Produção)

x

x

x

Inglês

x

x

x

Espanhol

x

x

x

Artes

x

x

Filosofia

x

x

x

História

x

x

x

Geografia

x

x

x

Sociologia

x

x

x

Matemática

x

x

x

Física

x

x

x

Química

x

x

x

Biologia

x

x

x

Educação Física

x

x

x



Venha fazer parte desta família

FAZER MATRÍCULA